Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Notícias TV’

felicidade

Muito obrigados á todos os leitores de nosso blog.

Vocês são nossa motivação é alegria para continuar postando diariamente notícias exclusivas, e para bem informar você leitor. agradeço também á todos os colaboradores e espero que todos estejam gostando do blog.

Nosso Blog não tem fins lucrativos nossa unica motivação é informar o leitor e ter o reconhecimento com os comentários.

Anúncios

Read Full Post »

328_2724-wilker

José Wilker vai aparecer apenas no primeiro capítulo da minissérie “Cinquentinha”. Daniel, seu personagem, morre e é enterrado logo na estreia. Mas é por causa dele que toda a história acontece. O empresário é ex-marido das personagens de Susana Vieira, Betty Lago e Marília Gabriela, e deixa um testamento dizendo que elas terão que, juntas, salvar seus negócios.

Atenção! Estamos selecionando colunistas para o blog. Venha fazer parte da nossa equipe!

Adicione o msn: claudenir.claudenir@hotmail.com

Read Full Post »

Patricia-Maldonado

Um nome, a principio estranho, vai fazer parte da equipe da Band na cobertura da Copa do Mundo da África do Sul, em 2010.

Trata-se de Patrícia Maldonado que depois de alguns anos vai voltar a fazer jornalismo esportivo, embora por pouco tempo.

Segundo a coluna “Zapping” de Alberto Pereira Jr., no Jornal Agora São Paulo, a apresentadora deixará o “Dia Dia”, para participar da transmissão da Copa.

Fonte: Esporte e Mídia

Atenção! Estamos selecionando colunistas para o blog. Venha fazer parte da nossa equipe!

Adicione o msn: claudenir.claudenir@hotmail.com

Read Full Post »

Para Silvio de Abreu, autor do primeiro time de novelistas da Globo, a televisão aberta terá no futuro que “competir mais acirradamente” com as novas mídias. Ele não acredita que o jovem, já conectado à internet, volte para as novelas. No entanto, diz que o interesse do grande público pelo gênero ainda não amornou”.

Abreu escreve atualmente as primeiras linhas de Passione, a substituta de Viver a Vida. Sobre a novela, adianta apenas que será uma mistura de “melodrama, humor e thriller”.

Nesta entrevista exclusiva ao R7, o autor lamenta a falta de “critérios” claros na classificação indicativa, que hoje pode, hipoteticamente, obrigar uma emissora a exibir às 21h uma novela originalmente veiculada às 19h.

silvio-de-abreu

Por que as novelas das oito já não dão 60 pontos e, de três anos para cá, raramente ultrapassam os 50? O que mudou?

Silvio de Abreu – Na minha opinião, o número de televisores ligados diminuiu, o que fez diminuir todas as audiências. Porque se você observar vai ver que os “shares” [participações de determinados programas no total de televisores ligados] continuam altos.

Por outro lado, o menor número de ligados diminuiu em muito a audiência de outros programas que nunca tiveram o mesmo índice das novelas. Ou seja, mesmo diante de uma aparente queda, as novelas, principalmente a novela das 21h, continuam a ser o programa mais assistido em todo o Brasil.

Vou começar a acreditar que amornou o interesse do público nas novelas quando outros programas derem mais audiência. E lembre-se que, quando se diz que uma novela deu, digamos, 40 pontos, e outros programas semanais deram 35, a audiência da novela se refere a uma média de seis programas diários e o do programa semanal é de um único dia, o que faz uma enorme diferença.

As novas mídias e tecnologias ameaçam o futuro da televisão aberta?

Silvio de Abreu – Não sei se ameaçam, mas sem dúvida vão dividir o interesse do público. Imagino que no futuro a televisão aberta terá que competir mais acirradamente com outras mídias.

Aliás, a televisão já foi a vilã dessa história, quando surgiu no final dos anos 40, e diziam que ela desbancaria para sempre o cinema, ou quando o cinema surgiu no fim do século 19, e diziam que ele desbancaria para sempre o teatro. Acho que os modismos vão passando e que no futuro haverá lugar para tudo, como tem havido até agora.

É mais difícil escrever novela hoje do que nos anos 1980, quando você assinou sucessos como Guerra dos Sexos? Por quê?

Silvio de Abreu – Não é mais difícil, é diferente. Nos anos 1980 ainda tínhamos a Censura Federal e isso era uma grande dificuldade a ser transposta. Não se podia falar em adultério, personagens negativos não podiam ser simpáticos, a moral era controlada, a violência era proibida, não se podia falar de política etc etc.

Hoje temos a classificação etária na programação que nos obriga a sermos eternos vigilantes, porém, sem saber claramente que critérios devem ou não devem ser tomados. É muito difícil trabalhar assim, porque a qualquer momento podemos ter o trabalho proibido para determinado horário ou mutilado, apesar de continuarem afirmando que não é censura.

Por outro lado a produção hoje é muito melhor do que era nos anos 1980, a tecnologia se aprimorou e as nossas novelas conseguiram um grande prestígio internacional.

O trabalho de escrever aumentou muito. Antes uma novela pedia de 20 a 25 páginas de texto, porque os capítulos no ar eram mais curtos; hoje pede de 35 a 40 páginas, o que é quase impossível para um autor produzir sozinho.

Daí que o número de colaboradores aumentou, a maneira de desenvolver o trabalho modificou. Mas acredito que os autores que conseguiram passar para suas equipes o seu modo particular de pensar novelas continuam fazendo sucesso até hoje como fizeram na década de 1980.

O jovem de hoje é menos interessado em televisão aberta e, consequentemente, em telenovela? Como conquistar esse novo telespectador, seduzido pela internet, suas redes sociais e pelos vídeos on-demand?

Silvio de Abreu – Infelizmente, acho que quem está ligado no computador ou na internet vai continuar lá. Não acho que esse público venha para a novela, mesmo que a novela tente a mesma linguagem clipada que eles gostam. Na verdade, isso seria um grande risco porque a audiência de uma novela não pode ser segmentada, deve ser abrangente.

Deve agradar aos mais diferentes segmentos da sociedade, e temo que, ao tentar conquistar esses jovens, as novelas acabem esquecendo o seu principal público, que é mais fiel e conservador.

Tenho um bom exemplo disso com A Incrível Batalha das Filhas da Mãe no Jardim do Éden [2001], que era uma novela moderna, revolucionária. Pegou o público jovem, mas se esqueceu do público mais conservador, e o resultado de audiência foi dos mais decepcionantes.

 

Read Full Post »

Os primeiros números deste domingo começam a circular pelos bastidores das emissoras de TV e mostram que Eliana conseguiu segurar a vice-liderança, mesmo com a concorrência do filme “A Volta do Todo Poderoso”. Os dados preliminares apontam 9 pontos de média para Eliana contra 8 da Record. O melhor desempenho do programa ocorreu durante o confronto com o “Domingo Espetacular” e, ao concorrer com o filme, Eliana garantiu o empate. Já o filme “Titanic” foi bem: marcou 10 de média contra 14 da Globo e 6 do SBT. Quem comemorou muito neste domingo foi Ana Hickmann, que chegou à festa do R7 impressionada com os 9 de média e a vantagem de 3 pontos em relação ao “Domingo Legal”. Só não reparou num detalhe: se continuar entre dois filmes, o “Tudo é Possível” terá uma hora a menos e entrará no ar numa faixa menos nobre do domingo. Nos bastidores da Barra Funda há quem garanta que já está praticamente certo que filmes serão exibidos aos domingos porque a ordem é recuperar a vice-liderança vespertina perdida para o SBT.

A audiência do “Esporte Fantástico”, que ganhou novo dia de exibição, é um assunto de pouca importância na Barra Funda. Pelo menos essa é a impressão que dá, porque ninguém quer analisar os 4 de média (dados preliminares) registrados no sábado pelo esportivo.

logos-de-emissoras

 

Atenção! Estamos selecionando colunistas para o blog. Venha fazer parte da nossa equipe!

Adicione o msn: claudenir.claudenir@hotmail.com

Read Full Post »

emoglobo1612,5

emorecord178

emosbt156,5

emoband64

 

Atenção! Estamos selecionando colunistas para o blog. Venha fazer parte da nossa equipe!
Adicione o msn: claudenir.claudenir@hotmail.com

Read Full Post »

get

Depois de viver o Dr. Andrade de Três Irmãs, da Globo, Hugo Carvana volta à tevê no último mês da atual temporada de Malhação.

Na história, ele interpretará o inspetor Ubiracy Cansado, que terá de investigar um crime no Colégio Múltipla Escolha.

Esta não é a primeira vez que o ator participa da novelinha. Em 2008, ele viveu Paulo Lopret.

 

 

Atenção! Estamos selecionando colunistas para o blog. Venha fazer parte da nossa equipe!
Adicione o msn: claudenir.claudenir@hotmail.com

Read Full Post »

Older Posts »